segunda-feira, 7 de julho de 2008

Patrício

29 comentários:

ariel disse...

GRANDE "PEITAÇO DE OURO"

leones disse...

Tem coragem e raça

carlos alberto disse...

defendia o IMORTAL com unhas e dentes,coisa que falta nos ditos craques de bola.

James disse...

NUNCA SERÁ ESQUECIDO, NUNCA SERÁ ESQUECIDO, GRANDE PATRÍCIO!!! NUNCA TE ESQUECEREMOS!!!

César disse...

Patricio Peitaço neles hehehehe Outro imortal tricolor. Um guerreiro.

Anônimo disse...

Esse era ruim.

Anônimo disse...

Patricio, Gremista de verdade!

Patricio>>>>>>>>>Paulo Sergio>>>>>>>>>Ruym Cabeçao

Anônimo disse...

entregão

Augusto disse...

Ta loko o cara q nós tirou o tri da liberta......vcs tão tudo loko, fracassado brabo

Anônimo disse...

Volta patrício e volta gavilan pra ganhar a LA50...

leidseplein disse...

Horroroso....ta pra nascer um pior q o patricio

Anônimo disse...

Todos os comentários anteriores são verdadeiros.
Jogava pouco (mas muito mais que ruy, paulo sergio e outros).
Era muito raçudo.

Anônimo disse...

Todos os comentários anteriores são verdadeiros.
Jogava pouco (mas muito mais que ruy, paulo sergio e outros).
Era muito raçudo.

Breno disse...

Todo jogador na Batalha dos Aflitos merece meu respeito

Artur Wolff disse...

Um dos maiores entregadores de jogo ( uns 15 mais ou menos)da história do Grêmio.

araken medeiros disse...

BOM JOGADOR MERECE TODO RESPEITO DE VERDADEIROS GREMISTAS.

Petrov disse...

Raçudo eu também sou, me coloquem pra jogar então. Era horroroso, por favor...

Anônimo disse...

era raçudo

vacilou na final da libertadores

mas na final da libertadores de 2007 ele abriu na barreira na cobrança de falta do riquelme e fez um gol contra, mas mesmo sem ele quem ia ganhar com TUTA no ataque?

Anônimo disse...

Vai jogar o Gauchão 2011 pelo Caxias.

Anônimo disse...

raçudo, cara de gremio

Anônimo disse...

Que cara do Grêmio...
O Grêmio tem que ter cara de vencedores e não de pernas-de-pau como esse

Ricardo disse...

Podia não ser um exemplo de técnica, mas tinha raça e sabia fazer o que quase nenhum lateral de hoje em dia sabe: descer até a linha de fundo a cruzar a bola pro meio da área.

Anônimo disse...

feijao com arroz, CAFU dos pampas

Anônimo disse...

melhor q o para...

Anônimo disse...

15 de Novembro retoma futebol, e ex-lateral Patrício é o novo técnico
Novato revela inspiração em Mano Menezes, com quem trabalhou no próprio clube de Campo Bom e no Grêmio


Após quase cinco anos a portas fechadas, o futebol do 15 de Novembro está de volta. Na quarta-feira, em entrevista coletiva em Campo Bom, na Região Metropolitana de Porto Alegre, a direção do clube confirmou o retorno, para a disputa da terceira divisão estadual, a partir de agosto.
O técnico é um velho conhecido do 15 de Novembro e também do Grêmio. O ex-lateral Patrício Boques terá sua primeira experiência no comando de uma equipe. Em campo, destacou-se com a camisa amarela no terceiro lugar da Copa do Brasil e no vice-campeonato do Gauchão de 2005.


Foi no time de Campo Bom que começou uma convivência de sucesso com Mano Menezes. Ambos se encontraram no Grêmio, clube em que conquistaram o acesso à Série A do Brasileiro em 2005 e chegaram ao vice da Libertadores de 2007. O ex-técnico da Seleção, aliás, é a grande inspiração para o novato, de 38 anos.
- Trabalhei quatro anos com ele e aprendi muito neste período - contou o lateral, em entrevista coletiva.
O 15 de Novembro foi fundado em 1911, mas só profissionalizou seu departamento de futebol em 1994. Chegaria ao seu auge pouco menos de dez anos depois. Foi vice-campeão gaúcho em 2002, 2003 e 2005, perdendo nas três oportunidades para o Inter. Levantou uma Copa FGF, então chamada de Emídio Perondi, em 2006. Depois de atuar várias temporadas apenas no primeiro semestre, resolveu, em 2008, fechar as portas do departamento de futebol durante o ano inteiro, devido a dificuldades financeiras.

Anônimo disse...

http://globoesporte.globo.com/rs/noticia/2013/06/15-de-novembro-retoma-futebol-e-ex-lateral-patricio-e-o-novo-tecnico.html

Anônimo disse...

virou treinador agora! boa sorte patricio!

Allan disse...

Patrício peito de aço! Era raçudo, mas muito limitado. Desconhecia a linha de fundo do time adversário e fazia o papel de zagueiro disfarçado de lateral naquele time do Mano. Comprometeu bastante na Libertadores de 2007.

Tinha apenas um drible: o corte com a direita pro meio, seguido de passe lateral. Sempre dava certo e não levava a nada.

Anônimo disse...

Jogava muito pena que fez gol contra na final da Libertadores 2007 o que fez com que os gremistas parassem de culpar o Sandro Goiano por ter sido expulso logo no começo do jogo o Patrício não teve culpa de termos perdido a Libertadores a culpa e do Sandro Goiano não dele. foi um dos melhores Laterais da Historia