quarta-feira, 29 de julho de 2009

Paulo Isidoro

14 comentários:

Anônimo disse...

Responsávelpelo nosso primeirotitulo Nacional em 1981.
Grande P.Izidoro

Artur wolf disse...

Era pernalta e grande jogador, um dos melhores atacantes da história do Grêmio

Édson, Lisi & Laís disse...

tiziu

caito disse...

Meu pai torce para o time da padre cacique,e ele fala que esse gastava a bola,jogou muito....

Grêmio Vip disse...

Craque de bola, um dos maiores meias que vi jogar, um dos responsáveis pelo título de 1981, o motorzinho do time.

Anônimo disse...

um genio, junto com baltazar, melhor ataque dos anos 80

Anônimo disse...

cracaço

Anônimo disse...

craque de bola!

um dos maiores negocios da bola dos cartolas gremistas foi a troca do Eder Aleixo por esse cara!

podem dizer que o Eder jogou muito mais, mas se nao fosse o Isidoro em 1981 nao teriamos sido campeoes nacional

Anônimo disse...

Excelente de 1 a 10.....12 sem comentarios!!!

Anônimo disse...

Quem fez o gol do título foi o Baltazar, mas o grande craque do time éra o Paulo Isidoro!

Ele éra o maior ídolo do Atlético Mineiro, mas foi trocado pelo Eder Aleixo e fez história no Grêmio!

Alexandre disse...

Um dos maiores meias que vi jogar no Grêmio e um dos principais ícones do nosso primeiro título nacional. Mas acho q deve ter havido alguma coisa mal resolvida quando ele foi embora pois, até hoje, parece ser subvalorizado pelo clube. Não sei, p. ex., pq cargas d´água ele não tá na calçada da fama. Deveria ser um dos primeiros a por os pés lá!

Guilherme Max disse...

parece o pai do cris kkkkk

Anônimo disse...

o lance do golaço do baltazar começou em uma jogada criada pelo isidoro, ele disputou uma bola que vinha do alto no meio de campo, protegeu bem e matou a bola como se mata de um jeito que só os habilidosos sabem, deu um drible seco em outro marcador, levou ate a linha lateral e fez um gesto para o paulo roberto vim receber, o resto voces já sabem....

Anônimo disse...

O Isidoro no Grêmio de 81 foi "8", segundo volante.

O trio de ataque era tarciso, odair e baltazar. No meio de campo, o China jogava de 5, centralizado, e o Tadei e o Isidoro pelos lados, num triângulo: 433.

Isidoro e Tadei combinaram muito bem. O Isidoro era movediço, ágil, driblador, e o Tadei mais técnico, cadenciador. Um complementava o outro.

Esse meio de campo do Grêmio era muito forte, um dos melhores do país. Em 82, o Batista substituiu o China, Tadei e Isidoro continuaram, e chegamos à final do brasileiro, perdendo para o Fla do Zico em jogo polêmico.