sábado, 27 de setembro de 2008

André Catimba


9 comentários:

Anônimo disse...

lembro do gol de 77, que tombo na comemoração...
HAHAHAHAHA

Anônimo disse...

Que fedor...

Adriano Snel disse...

Gênio, puro realce!

Anônimo disse...

O juiz (Sílvio Rodrigues, se não me engano) encostou a mão nele e ele se jogou no chão, como se o juiz o tivesse agredido. Catimba, né? Isso que era jogar o juiz contra a torcida! Lance ridículo (pro juiz, claro).
huashuashuashuaushauushs

Anônimo disse...

O melhor centroavante brasileiro, que eu vi jogar, junto com Reinaldo, do Atlético - MG.

Anônimo disse...

lenda!

Anônimo disse...

1977 pra sempre

Marcelo disse...

Gostava de entrar na área correndo e cavava pênaltis como poucos. Ele segurava o adversário de forma a parecer que ele era o derrubado. Gol inesquecível em 77. O gol mais importante da minha vida. Muito obrigado André.

Anônimo disse...

gol inesquecível em 77, título inesquecivel e cambalhota inesquecivel kkkkkk